×

Alerta

Falha ao carregar ficheiro XML

 

ATENÇÃO: a partir de hoje vamos passar a fazer três publicações por semana. Estas vão ocorrer às segundas, quartas e sextas feiras. A grande adesão dos nossos alunos ao projeto leva a tomarmos esta decisão. Gratos pela vossa consideração e amizade.

 

O beijo da palavrinha

“O beijo da palavrinha”, de Mia Couto, relata a história de uma família muito pobre, mas onde acontecem situações extraordinárias. Apesar da extrema pobreza em que viviam, Maria Poeirinha, um dos elementos da família, consegue fazer uma viagem pelo mar. Como? Através do beijo da palavrinha! Será que há as palavras que nos beijam e nos fazem viajar?!…

Li e Gostei! - O beijo da palavrinha

 

Edições Anteriores

Li e Gostei! - Grandes Esperanças

Li e Gostei! - Uma Chuvada na Careca

Li e Gostei! - O Primo Basílio

Li e Gostei! - O Rapaz de Bronze

Li e Gostei! - Luuanda

Li e Gostei! - Histórias de um gato e de um rato que se tornaram amigos

Li e Gostei! - Chamo-me Mozart

Li e Gostei! - Tobias e o Anjo

Li e Gostei! - O Homem da Nuvem Escura

Li e Gostei! - Histórias e Lendas da Europa

Li e Gostei! - O Menino-Estrela

Li e Gostei! - Sempre do teu lado

Li e Gostei! - A Farsa de Inês Pereira

Li e Gostei! - Nelson Mandela

Li e Gostei! - Pardinhas

Li e Gostei! - O rapaz que contava histórias

Li e Gostei! - O Sermão de Santo António

Li e Gostei! - O Beijo da Palavrinha

Li e Gostei! - Frei Luis de Sousa

Li e Gostei! - Zara e Pirata dos Açores

Li e Gostei! - A Ilha do Tesouro

Li e Gostei! - Isto não é lixo?

Li e Gostei! - Amor de Perdição

Li e Gostei! - Uma pequenina luz

  

 

 

A APEEALC deseja um excelente dia a todas as Mães

 

A Semana da Leitura, assinalada na passada semana, culminou com o lançamento da segunda edição do livro "Leitura(s) para todos. Li e Gostei!", com textos e ilustrações da autoria dos nossos alunos, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Lamego.
Projeto iniciado em 2015/2016, vai presentemente na sua 4ª edição, embora a presente publicação diga respeito à 2ª edição, ou seja, a que foi desenvolvida no ano letivo 2016/2017. Nesta edição tivemos a participação de alunos de três níveis de ensino, 2º e 3º ciclo e secundário. As leituras e escrita foram efetuadas por alunos do 2.º, 3.º ciclo e secundário, enquanto os responsáveis por darem cor às palavras, criando as ilustrações que acompanham os textos, foram os alunos do 12º ano de Artes Visuais, os primeiros sob a coordenação das Professoras Lídia Valadares e Margarida Dias e os restantes sob a coordenação da Professora Cláudia Amaro.

     

O envolvimento dos Pais e Encarregados de Educação foi excelente, apoiando os filhos a se exprimirem de uma forma diferente, com a certeza de que a leitura, a escrita e a arte são fundamentais para o seu desenvolvimento/crescimento.
Durante a sessão de lançamento, além das palavras formais de cada um dos responsáveis e intervenientes no projeto e dos responsáveis autárquicos, tivemos momentos musicais protagonizados por alunas da Latino Coelho e leituras de trechos do livro, efetuadas pelos próprios autores.

     

A todos, os nossos parabéns! Muito Obrigado!

Para aceder a todas as fotos, aqui

 

Na certeza da mais valia desta sensibilização, convidamos todos os Pais e Encarregados de Educação a estarem presentes.

As inscrições para esta ação podem ser realizadas nas Escolas do Agrupamento

O Instituto Valenciano Luís Vives acolheu, durante a última semana de Novembro passado, a visita de treze jovens estudantes lamecences, no âmbito da primeira mobilidade do programa Erasmus+, subordinado ao título “¡Mujeres y Niñas en Ciencia, por supuesto!”.
Com incidência nuclear no despertar de sensibilidades, vocações ou talentos femininos para a ciência e tecnologia, este projeto, adicionalmente, pretende sensibilizar para a inclusão social; contribuir para o desenvolvimento de uma aprendizagem de qualidade ao longo da vida; para o reforço da realização pessoal, da coesão social, da cidadania ativa e da cidadania europeia; promover a criatividade e a competitividade; promover a aprendizagem e a diversidade das línguas; dar a conhecer novas técnicas e práticas nas instrumentalizações pedagógicas; explorar resultados, produtos e processos inovadores.
Este específico projeto, que tem por base o espanhol como língua de trabalho e de comunicação, é sustentado na interação estratégica para a educação de três conceituadas escolas do espaço comunitário: O Instituto Luis Vives de Valencia (Espanha), palco recetor deste intercâmbio e que integrou uma turma do ensino básico; O Agrupamento de escolas de Latino Coelho de Lamego (Portugal), que fez deslocar àquela cidade alunos selecionados de três turmas do sétimo ano (E, F e G), acompanhados por três professores - Isabel Cabo; Luís Sarmento e Fernando Cameira - e o Liceu Estatal Marconi de Pescara (Itália) que participou com um grupo de alunos do ensino secundário.